26/01/2017 – Medicina Veterinária: atendimento em balcão é proibido

A prática da clínica veterinária é uma das atividades que mais envolve médicos veterinários no país. Entretanto a atuação neste segmento leva em conta uma série de regras, indispensáveis para garantir a saúde e o bem-estar dos animais e o bom atendimento dos tutores.

Para atender, examinar e aplicar vacinas ou medicamentos é necessário um ambiente específico que pode ser um consultório ou clínica. Mas nunca no balcão de uma loja ou casa agropecuária. Quando isso ocorre, o estabelecimento está sujeito a multas que chegam a R$ 18 mil e o médico veterinário corre o risco de perder o registro, pois em caso de flagrante ele sofrerá processo ético. As punições estão previstas na Resolução 682/01 do Conselho Federal de Medicina Veterinária.

 O tema é pauta da nova edição do Saiba + CRMV, programa quinzenal do Conselho Regional de Medicina Veterinária do RS, veiculado no Youtube (CRMV-RS TV). A atração vai ao ar na tarde desta quinta-feira (26) e tem como apresentador o presidente da autarquia, Rodrigo Lorenzoni. “Existe um porquê para essas medidas terem sido implantadas. Primeiro, para que nosso trabalho seja valorizado, precisamos ter um local adequado para atender e os profissionais precisam ter suas ferramentas para avaliação dos animais, equipamentos de proteção, higiene e todas as medidas necessárias para que o profissional e o paciente estejam seguros durante o atendimento. E isso não acontece em um balcão de loja.”